quarta-feira, março 01, 2006

É carnaval ninguém leva a mal!

Este ano, tal como nos outros, fui ao Carnaval de Loulé. Realmente a festa carnavalesca mais antiga do País está a ficar desgastada e o lema "100 anos é muito tempo" assenta que nem uma cereja em cima do bolo porque é sempre "mais do mesmo".
As bailarinas são praticamente as mesmas e o grupos que lá vão não diferem muito de ano para ano. Outro dos factos interessantes é a "cópia rasca" que a organização tenta fazer do carnaval do Brasil.
Se querem fazer uma cópia ao menos que seja fiel e coloquem no "sambódromo" raparigas com corpos escuturais como no carnaval do Rio. Isso sim seria uma cópia, agora aquilo que ali se viu...não passa de uma cópia pirata, no mínimo. Lembro-me, por exemplo, de uma uma mulher na casa dos 50 anos a TENTAR reproduzir qualquer coisa parecida com samba e a não conseguir porque a barriga não deixava. Isto para não falar de mocitas novas que vão tendo aquela barriguinha de cervejola e isso pro samba não dá migas! Mas o que vale é que é Carnaval e ninguém leva a mal...e a malta estava animada porque quando elas passavam a risada era geral.
O que ainda safou aquilo foram as duas mulatas e a loira que seguiam num dos carros e conseguiram desfilar, dançar e levar o ritmo brasileiro a Loulé.
Quem não faltou a festa foi uma figura da política regional. Mendes Bota, que tem um espírito festivo e algo de artista, não desperdiçou os seus dotes e tomou o leme de um dos carros alegóricos. O nosso deputado pediu licença de três dias na Assembleia da República e encabeçou a lista de participantes no corso carnavalesco, cantando e dançando os ritmos e sons brasileiros. Temos artista!

Nota positiva para a criatividade artística conseguida na elaboração dos carros alegóricos.

sábado, dezembro 24, 2005

Castigo

O amigo Ronaldo fez um "manguito" aos portugueses na Luz mas depois teve de ir ao castigo...mama aí!!!


É claro que ainda levou umas palmadinhas do balneário! Mas printo ele ainda é mocito novo...tem de ser educado.

segunda-feira, dezembro 12, 2005

És a rainha da noite...serás...atéeee...aooo....fimmmmmm!

Actualmente vivemos na época do mediatismo. Basta ver uma câmara de televisão e lá estão os "emplastros" a passar à frente da câmara de filmar. É claro estão sempre com o telemóvel na mão e a falar sorridentemente.
Outra das formas do vulgo mediatismo são as fotografias nessas revistas tipo qualquer coisa + onde as rainhas da noite sonham sair pelo menos uma vez por mês. Não estou a criticar o trabalho dessas magazines, muito pelo contrário, mas sim as pessoas que tudo fazem para lá figurar...o que pormenorzinho é que às vezes já tocadinhos(as) e com o cigarrito na mão! Depois é só rezar para que a mamã não veja que a Gertrudes de 17 anos fuma! Ok as amigas lá na escola podem ver...é cool dar nas vistas!




Isto sim é dar nas vistas!!!!!!!!!!

quarta-feira, dezembro 07, 2005

Dois meses no Tibete

Estou de volta caros amigos desta humilde "casa"! Poderia inventar mil desculpas e dizer que estive muito ocupado...mas estaria a mentir...não me apeteceu foi mesmo nada escrever.As vezes é necessário parar para reflectir e tirar algumas ideias.
Só que quando se está muito tempo parado as ideias começam a juntar-se, a acumular-se e então a vontade e a disponibilidade para as transpôr para o papel ainda é menor. Agora com as baterias recarregadas é tempo de descarregar para aqui mais algumas preocupações, desvaneios, verdades ou simplesmente pura baboseira. A moda dos blogs é muito bonito e tal mas quando se tem de alimentar três blogs e mais umas publicações começa a tornar-se complicado gerir os conteúdos.
Mudando de assunto parece que os dinossauros estão de volta à política. Portugal está num estado mesmo mal... e não evoluiu nada em 10 anos. As personagens do filme são as mesmas e as cenas tristes vão repetir-se. Só que agora temos uma novidade...há intriga no meio...e o que era filme passou a novela: Temos uma mãe (Governo) que dá tudo a um filho (Soares) e enjeita o outro (Alegre).Quanto a Cavaco não se sabe ainda se ganhará o papel de galã ou vilão. Jerónimo e Louçã alimentam a intriga e funcionam como planos de corte. A estória está viciada.

Ah e não percam os próximos episódios pk eu tb não!

Hasta

segunda-feira, novembro 21, 2005

Coisas dele...!

Discussão matrimonial entre Francisco Louçã e a sua mulher

- Querido, achas que sou bonita?
- Eu não diria bonita, pois trata-se de um conceito adoptado pelas classesdominantes para classificar animais humanos dentro de padrões de belezaculturalmente preestabelecidos.

- Isso que dizer que sou feia?
- Cosmeticamente diferente é o termo mais adequado.

- Mas, tu ainda me amas?
- O amor é um sentimento inventado pela burguesia com intuito de subjugaros indivíduos a um único modo de pensar a sociedade, tirando-lhes a razão eo senso crítico.

- E depois?
- Depois, nutro por ti um sentimento de co-participação em interesses deordem habitacional, económica e sexual.

- O quê? Quer dizer que tu só me queres como mulher-a-dias e prostituta?
- Não se diz mulher-a-dias e sim higienizadora ambiental. E tratar parceiras sexuais alugadas como prostitutas não é politicamente correcto.

- Tu deves estar louco.
- Emocionalmente fora do padrão.

- Bem me avisaram que eras um chato.
- Chato não, pessoa interessante de maneira diferente.

- Como fui cega...
- Desprovida de capacidade visual é mais correcto.

- Idiota!
- Pessoa com ideia fixa.

- Para mim chega! Vou procurar um amante que me queira.
- Não precisas de recorrer a este tipo de relacionamento com padrão nãoconvencional, nós ainda podemos partilhar de uma coexistência saudável comoduas pessoas com referências diferenciadas da cultura dominante.

- Prefiro viver com um lavador de carros a continuar contigo!
- A tua preferência em manter uma co-habitação de carácter afectivo com umespecialista em aparência de veículos, não te dá o direito de compararopções de meio de sobrevivência alternativo com o meu comportamento que sediferencia dos dogmas do status-quo.

- Ah, por que é que não podes ser uma pessoa normal?
- A normalidade é uma convenção imposta?

domingo, novembro 13, 2005

Habitação Social ou Favores Sociais?

quarta-feira, novembro 09, 2005

Serginho na Tropa???

Serginho vai entrar para a 1ª Companhia. Realmente...estão a denegrir o verdadeiro espírito da tropa. Depois de Castelo Branco ter mostrado como é possível fazer duros exercícios carregado de lantejoulas, cachecóis, encharpes, brincos, batons, rimel, verniz... e um monte de merdas...Serginho vai tentar o número mais arriscado alguma vez visto e ouvido em televisão: gritar “Alvorada” ou “1ª Companhia” com voz de homem.
Vamos lá ver se consegue. As tantas com a entrada do Sá Leão para a 1ª Companhia ainda vão colocar o Serginho a dizer "OH SI....COM FORÇA!